Bem Resolvida

Tatuagem inflamada: causas e tratamentos

A tatuagem, quando bem-feita, fica muito bonita e a pessoa que foi tatuada se sente bastante realizada. É, de certa forma, uma mudança interessante, que pode conferir mais delicadeza ou outros atributos legais. Entretanto, nem sempre uma tatuagem vai terminar o seu procedimento com sucesso: em alguns casos, ela pode infeccionar e inflamar.

Veja neste artigo mais sobre tatuagem inflamada e saiba o que fazer para reverter esse quadro e impedir que a situação piore.

 Por que pode ocorrer inflamação na tatuagem?

Pode acontecer de a tatuagem ficar inflamada por conta de diversos motivos, sendo o principal deles não seguir as orientações dadas pelo tatuador, como a aplicação da pomada — é ele quem aplicará da primeira vez, antes de você deixar o estúdio — e usar o plástico-filme corretamente.

Esses procedimentos precisam ser seguidos à risca, visto que a tatuagem é considerada um procedimento praticamente cirúrgico,  porque a agulha é usada para perfurar a pele. Ninguém quer ter uma tatuagem inflamada.

O cuidado deve iniciar desde o momento em que o tatuador aplica a pomada e o filme plástico, e deve continuar daí, nos primeiros dias não deixando a região em contato direto com o sol, visto que sua luz prejudica — e até pode comprometer — o resultado final da tattoo.

Se você frequenta a academia, deve tomar o cuidado para a que a região onde foi feita a tatuagem não encoste nos aparelhos, pois muito provavelmente estarão sujos — por conta de grande circulação e uso das pessoas —, o que pode provocar uma bactéria em seu corpo. Além disso, também não se deve tocar em móveis ou objetos sujos.

Caso haja contato entre uma superfície suja e a pele com a ferida aberta, sujeita à influência do mundo ao redor, é possível que a pessoa fique com a tatuagem inflamada, o que pode ser bastante prejudicial.

Veja também:

Tatuagem coçando: dicas e cuidados

 Como fazer para a pele se curar?

Para a pele se curar e não ficar com a tatuagem inflamada, deve-se deixar que ela fique arejada, evitando roupas e adornos que possam machucar ou mesmo entrar em contato com o local. Além disso, é importante proteger a pele do sol, como já citado, para que não ocorra sangramento da tinta e, por com isso, o desenho continue bonito.

 Importância de materiais inutilizados

Os materiais que o tatuador utilizará deverão ser sempre esterilizados ou ser descartáveis, do tipo “usou, jogou fora”. Um bom tatuador mostrará, mesmo sem você pedir, que os materiais usados por ele são descartáveis ou limpos. Mas, se ele não fizer isso, você pode perguntar e pedir para ele mostrar a você. Assim, você fica mais tranquilo.

Estamos falando sobre o risco de materiais inutilizados pois usar um material já usado por outra pessoa faz com que você corra o risco de pegar doenças de todos os tipos, leves e graves, por conta desse descuido. Afinal de contas, esses equipamentos entram em contato direto com o sangue, e, com isso, podem transmitir vários tipos de doenças.

Uma coisa que deve ser proibida nos 15 primeiros dias é o banho de mar e de piscina. Em primeiro lugar, nem sempre sabemos como anda a saúde das pessoas que compartilham a piscina com você, e, no caso do mar, é sempre bom lembrar que é um local onde muita gente joga lixo e faz suas necessidades.

O risco de pegar doenças existe. E o de ter a tatuagem inflamada também.

 Como identificar se estou com tatuagem inflamada?

Há alguns sinais que sugerem que existe alguma coisa errada com o seu corpo, e existem outros sinais que são definitivos para dizer que você está com a tatuagem inflamada. Agora que você viu que ter uma tatuagem é algo que precisa ter bastante cuidado, chegou a hora de você identificar se está com a tatuagem inflamada ou não.

Primeiramente, você deve passar a mão na área afetada pela tatuagem. O que você sente? Se você sente um calor irradiando do local ou ele está ficando com uma cor mais avermelhada — ou de um vermelho mais escuro —, pode ser que você esteja com a tatuagem inflamada. Só que esses não são sinais decisivos; é preciso procurar outros.

É comum que a pessoa que fez uma tatuagem sinta um relevo na região do desenho nos primeiros dias. Isso é normal, mas, se mesmo depois desses dias o relevo não diminuir, pode significar que ela está com a tatuagem inflamada e que precisa ir em um médico o quanto antes.

Veja também:

Tatuagem de bússola: veja dicas de estilos para fazer!

 

Além disso, pode ser que surja bolhas ou pústulas com fluidos, e nesse caso também é preciso consultar um médico o mais rápido que puder. Nos primeiros dias após fazer a tatuagem, pode ser que ocorra uma secreção dos ferimentos, e isso é algo normal. Entretanto, secreções como pus ou que continuam depois de vários dias não são.

Espere alguns dias para ter melhor certeza, e então você poderá falar com o tatuador ou um médico.

 Falando com o tatuador

Falar com o tatuador é indicado se você tem apenas uma leve dúvida de que a tatuagem está inflamada. Mostre a tatuagem para ele e peça sua opinião profissional. Mas, se o caso for visivelmente mais grave, como quando ocorre secreção com odor, é preciso ir ao médico, que pode lhe receitar um medicamento.

 Medicamentos que podem ser receitados

Se o seu caso necessitar de medicamentos, provavelmente ele lhe receitará antibióticos e uma pomada tópica, para passar no local afetado. A pomada deverá ser aplicada conforme for receitado, e você sempre deverá deixar o local higienizado, lavando com água e sabão neutro duas vezes por dia.

O médico lhe dirá — e, se não disser, você deve perguntar — quando cobrir a tatuagem com a gaze estéril, para o tratamento, mas você deverá deixar a tatuagem receber ar fresco em alguns momentos, para não prejudicar o estado de tatuagem inflamada. A tatuagem precisará, depois de ser lavada, ser secada com cuidado.

 Por último, é importante enfatizar que, apesar de a tatuagem ser permanente, a qualidade dela apenas vai se manter a mesma se você cuidar tanto no processo de cicatrização quanto depois disso. Afinal de contas, certamente não vale a pena ter um desenho feio — sendo que antes era lindo — marcado em você.

Deixe seu comentário!